EUA - MLS

EUA - MLS

Links
Wikipedia (pt)

Diário Ao-Vivo

DateRCasa vs Visitante-
90' - [9] Seattle Sounders FC vs Real Salt Lake [5] 1-2
08/17 02:30 - Los Angeles FC vs DC United View
08/17 23:30 - Atlanta United vs New York Red Bulls View
08/17 23:30 - Toronto FC vs New England Revolution View
08/18 00:00 - New York City FC vs Charlotte FC View
08/18 01:00 - FC Dallas vs Philadelphia Union View
08/18 02:00 - Vancouver Whitecaps vs Colorado Rapids View
08/20 02:00 - LA Galaxy vs Seattle Sounders FC View
08/20 22:00 - New York Red Bulls vs FC Cincinnati View
08/20 23:30 - CF Montréal vs New England Revolution View
08/20 23:30 - DC United vs Philadelphia Union View
08/21 00:00 - Inter Miami CF vs Toronto FC View

Resultados

Date R Casa vs Visitante -
08/15 01:25 - [7] Nashville SC vs Minnesota United [4] 1-2
08/14 02:30 - [1] Los Angeles FC vs Charlotte FC [11] 5-0
08/14 02:00 - [9] LA Galaxy vs Vancouver Whitecaps [11] 5-2
08/14 01:00 - [2] Austin FC vs Sporting Kansas City [14] 4-3
08/14 01:00 - [12] Houston Dynamo vs CF Montréal [3] 2-3
08/14 01:00 - [3] FC Dallas vs San Jose Earthquakes [13] 4-1
08/14 01:00 - [10] Colorado Rapids vs Columbus Crew [6] 1-1
08/14 00:00 - [9] Inter Miami CF vs New York City FC [2] 3-2
08/13 23:30 - [13] Toronto FC vs Portland Timbers [7] 3-1
08/13 23:30 - [1] Philadelphia Union vs Chicago Fire [7] 4-1
08/13 23:30 - [10] New England Revolution vs DC United [14] 1-0
08/13 23:30 - [6] FC Cincinnati vs Atlanta United [12] 2-2

Wikipedia - Major League Soccer

A Major League Soccer (em português: Liga Principal de Futebol; abreviação oficial: MLS) é o principal campeonato de futebol dos Estados Unidos, contando também com equipes do Canadá, tida como a primeira divisão profissional do esporte pela United States Soccer Federation, que é oficialmente membro da FIFA, e que ajuda a promover este desporto nos EUA.

Disputada em dois estágios, a competição tem seu início em março e término em outubro de cada ano, com cada equipe disputando 34 partidas no total; o time com o maior número de pontos na primeira fase da competição é premiado com a taça Supporters' Shield, sendo que a segunda fase é disputada pelos 12 melhores times da primeira em sistema eliminatório. O vencedor da segunda fase, consequentemente, é nomeado o grande campeão da MLS.

A qualidade de jogo em solo norte-americano melhorou consideravelmente desde que a liga foi fundada, em 1996 e resultou no sucesso da Seleção Americana na Copa do Mundo de 2002 alcançando as quartas de finais pela primeira vez desde 1930; muitos dos jogadores da equipe nesta Copa do Mundo faziam ou fizeram parte da MLS.

Na temporada de 2021, após a inclusão do Austin Football Club, a liga é composta de 27 times, sendo 24 dos Estados Unidos e 3 do Canadá. A liga planeja expandir para 30 clubes, com as entradas confirmadas do Charlotte FC em 2022, e do St. Louis City SC em 2023. O Sacramento Republic FC, que teve sua vaga confirmada na liga, desistiu de pagar a taxa de entrada na liga e espera por investidores, e por isso tem sua situação indefinida.

History

Fundação

Em 1988, os Estados Unidos receberam o direito de sediar a Copa do Mundo de 1994. A USSF acordou com a FIFA que para realizar o evento, seria criada uma liga profissional de futebol nos Estados Unidos. O país não possuía uma liga de primeiro nível desde 1984, quando a North American Soccer League foi extinta. A liga foi oficialmente anunciada no dia 17 de dezembro de 1993.

A primeira temporada da Major League Soccer ocorreu em 1996. O primeiro jogo oficial da MLS foi uma partida entre San Jose Clash e D.C. United, no dia 6 de abril de 1996 no Spartan Stadium em San Jose.

As primeiras equipes

As primeiras sete equipes da Major League Soccer foram anunciadas no dia 15 de junho de 1994. No total, dez equipes disputaram a primeira edição em 1996, divididos em duas conferências:

  • Conferência Leste:
    • Columbus Crew
    • DC United
    • New England Revolution
    • New York Metrostars
    • Tampa Bay Mutiny
  • Conferência Oeste
    • Colorado Rapids
    • Dallas Burn
    • Kansas City Wizards
    • Los Angeles Galaxy
    • San Jose Clash

Expansão e mudanças

A liga se ampliava a 12 equipes em 1998, ao ser adicionado o Chicago Fire à conferência Oeste e o Miami Fusion à conferência Leste. A partir do ano de 1999 o San José Clash trocou de nome e passou a se chamar San José Earthquakes. Em 2000, a liga se reorganizou em conferências Leste, Central e Oeste; Chicago, Tampa Bay, Dallas e Columbus foram movidos à nova conferência central. Na temporada de 2001, as duas equipes da Flórida (Miami Fusion e Tampa Bay Mutiny) foram dissolvidas e a liga voltou a ser de dez equipes divididas em duas conferências, como era antes, mas com o Chicago Fire na conferência Leste.

Na temporada de 2004, a liga se ampliou outra vez, acrescentando o Real Salt Lake, de Salt Lake City, e o Chivas USA, que compartilha o estádio Home Depot Center com o Los Angeles Galaxy. As duas equipes novas foram colocadas na Conferencia Oeste, movendo Kansas City para o Leste. Em 2005, o San José Earthquakes se mudou para Houston e renomeado para Houston Dynamo. Mas outra franquia com o mesmo nome compartilhando a história dos Earthquakes foi instaurada na temporada de 2008.

Em 9 de março de 2006, a multinacional de bebidas energéticas Red Bull comprou o MetroStars e rebatizou-o Red Bull New York.

Na temporada de 2007, uma nova ampliação. Pela primeira vez uma equipe do Canadá participa da liga: o Toronto FC. Eventualmente todas as três maiores cidades canadenses conseguiram times, com o Vancouver Whitecaps em 2011 e o Montreal Impact no ano seguinte.

A expansão garantiu franquias à Seattle (Seattle Sounders FC, fundado em 2009 após absorver a equipe e elenco de uma equipe homônima da USL First Division), Filadélfia (Philadelphia Union em 2010) e Portland (Portland Timbers em 2011).

História recente

Em 2014, a Major League Soccer respeita o contrato com David Beckham de quando ele foi jogar no Los Angeles Galaxy no qual garante uma franquia a ele quando ele se aposentasse. Com sede em Miami, David se juntou com Simon Fuller, os empresários cubanos Jorge e Jose Mas, e Marcelo Claure, dono do Club Bolívar, para formar o time.

No dia 27 de outubro de 2014, a liga anunciou que, pelo fato de não ter seu estádio próprio e falhar em atrair o público latino, após várias temporadas de pouco público e baixa audiência, o Chivas USA iria encerrar as atividades ao fim da temporada regular, e uma nova franquia de expansão foi concedida a Los Angeles, mais tarde denominado Los Angeles FC, que estreou em 2018.

Em 2015, estrearam o New York City Football Club e o Orlando City SC. Com isso, a liga chegou a 20 equipes e realinhou suas conferências.

Em 2016, Don Garber anunciou a liga chegaria a 28 clubes, possivelmente em 2020. Em 2017, 12 cidades estavam concorrendo as vagas.

Em 2017, estrearam Atlanta United FC e Minnesota United FC na competição. Em julho, a MLS recusa uma proposta de 4 bilhões de dólares da MP & Silva pelos direitos de transmissão da liga, pois a empresa exigia que a Major League Soccer se adaptasse ao futebol internacional, acrescentando acesso e descenso. Além disso, o movimento foi mal visto, pois poderia servir de manobra pra entrada do Miami FC na liga, clube do Riccardo Silva, dono da MP & Silva.

Em outubro de 2017, Anthony Precourt, dono do Columbus Crew SC, anunciou seus planos de realocar a equipe para Austin, Texas. A mudança, vinda de acordo prévio com a liga que previa a realocação caso não conseguisse construir um novo estádio em Columbus, foi aprova pela prefeitura de Austin e 15 de agosto de 2018, e o nome Austin FC foi anunciado no dia 22 de agosto. Porém a torcida do Crew começou uma grande campanha nas redes sociais para manter a equipe. Como o contrato com o Precourt não poderia ser desfeito, foi concedido a ele uma franquia de expansão. Os direitos do Crew foram vendidos a Jimmy Haslam, dono do Cleveland Browns, e com um acordo de buscar a construção de um novo estádio para a equipe, o clube permaneceu na liga. O Austin FC estreia na temporada 2021.

Em 20 de dezembro de 2017, foi concedido ao Nashiville SC, da USL Championship, uma franquia de expansão. Fundado como Nashville Football Club, o clube surgiu como de propriedade dos fãs, inspirado no F.C. United of Manchester. Disputou a National Premier Soccer League entre 2013 e 2016. Inicialmente o clube planejava entrar a NASL, porém em 2017 a USL garantiu que o clube entraria na liga, tendo pouco tempo depois seu pedido de entrar na MLS garantido. Nashville SC estreou na liga em 2020.

Em 29 de maio de 2018, o FC Cincinnati se garantiu na liga, passando na frente de outros mercados maiores como Detroit, Charlotte e St Louis. A favor do FC Cincinnati eram os recordes seguidos de público, com vários jogos batendo mais de 20 mil pessoas e com médias de público por vezes maiores que os próprios times da MLS. Pesou também o fato da equipe estar pronta pra disputar a MLS já no ano seguinte.

Em 2020, além do Nashiville SC, também foi o ano de estreia do Inter Miami CF, equipe gerida pelo David Beckham.

Em 2021, foi o ano de estreia do Austin FC.

Em 2022 foi o ano de estreia do Charlotte FC.